Asfixiada: Homem deixa carta após assassinar ex: ‘Matei porque não me amava’

O suspeito, que fugiu após cometer o crime, está sendo procurado pela polícia

Anúncio

Inconformado com o fim do relacionamento, um homem matou a ex-mulher em Altamira, no Pará, nesta segunda-feira (15). Perto do corpo de Deusiane Araújo Conceição, 27 anos, a polícia encontrou uma carta escrita pelo suspeito, que confessou o crime. A vítima foi assassinada na residência do casal.

“Eu matei ela porque ela falou que não morava eu mais (sic) e eu tenho uma filha muito linda e amável. Falei pra ela que no dia que ela tirasse ela de mim fazia uma besteira com ela. E hoje, dia 15 e janeiro, eu matei ela e agora me mato (…)”, relatou na carta o autor do homicídio, identificado como Ediones Santos de Souza.

De acordo com o G1, a vítima tinha manchas de sangue e estava suja de fezes. Ediones, que fugiu após cometer o crime, está sendo procurado pela polícia. A corporação acredita que Deusiane tenha sido asfixiada, já que não havia marcas de tiros e nem perfurações. A mulher deixa uma filha, fruto do relacionamento com o suspeito.

Fonte: NOTÍCIAS AO MINUTO

Deixe seu Comentário