Lula pode ser preso em poucos meses, analisam criminalistas

O desembargador Leandro Paulsen declarou que a prisão deve acontecer assim que forem julgados os embargos que os advogados do ex-presidente ainda podem apresentar

Anúncio

Com a manutenção da pena imposta pelo juiz Sérgio Moro – votada por unanimidade nesta quarta-feira (24) por juízes do TRT-4 – o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva pode ser preso em poucos meses. A análise é de criminalistas ouvidos pela reportagem da Folha de S. Paulo.

De acordo com a coluna de Mônica Bergamo no jornal, o desembargador Leandro Paulsen e presidente da 8ª Turma declarou que a prisão deve acontecer assim que forem julgados os embargos que os advogados do ex-presidente ainda podem apresentar.

Ouvido pela Folha, o advogado Alberto Toron diz que “Ele foi claro e lembrou que o TRF-4 tem inclusive uma súmula, a 122, que fala sobre a prisão”. Para o profissional, essa detenção pode ser determinada em aproximadamente um mês, uma vez que a decisão foi unânime.

Porém, outros dois criminalistas discordam. Por prever que isso pudesse acontecer, os advogados de Lula pediram que ele possa recorrer em liberdade.

Fonte:  NOTÍCIAS AO MINUTO  –  Foto: © REUTERS/Ueslei Marcelino

Deixe seu Comentário